JESUS CRISTO

JESUS CRISTO
SEM JESUS CRISTO NADA SOMOS - NOSSA OBRIGAÇÃO COMO CRISTÃOS - DIVULGAR CADA VEZ MAIS SEU NOME E SEUS ENSINAMENTOS - PORQUE SÓ ELE SALVA

domingo, 17 de março de 2013

MISSA EM HONRA AO PADROEIRO SÃO JOSÉ


MISSA EM HONRA AO PADROEIRO SÃO JOSÉ


ENTRADA


São José é um dos santos mais populares do mundo. Foi proclamado Padroeiro Universal da Igreja. Mas quase não é citado na Bíblia, são poucas as informações sobre ele.
Então, por que esse homem simples tem tanto destaque? Porque viveu unicamente em função de Jesus e de Maria.
”DE FATO PODEMOS CONCLUIR QUE, SE SÃO JOSÉ FOI ESCOLHIDO PARA ESPOSO DE MARIA, A MAIS SANTA DE TODAS AS MULHERES, É PORQUE ELE ERA O MAIS SANTO DE TODOS OS HOMENS”.
A Paróquia São José teve início no mês de abril de 1974
Padre Mateus foi ordenado sacerdote no dia 27/02/1966. Celebrou a primeira missa em São José na quinta-feira Santa de 1973.
Pela primeira vez desde sua partida na madrugada do dia 06 de janeiro de 1987, hoje o padre Mateus Colucci, retorna a esta igreja para presidir a celebração da Santa Missa.
É com muito carinho que acolhemos o padre Mateus, o primeiro sacerdote a semear a fé nesta Paróquia. A ele nossa eterna gratidão por tudo que fez em benefício de nossa comunidade.
Rezemos por todos os sacerdotes que por aqui passaram e especialmente pelo nosso padre João Ribeiro.

EM PÉ ACOLHEMOS OS SÍMBOLOS DESTA CELEBRAÇÃO


CRUZ DO ALTAR: “VERDADEIRAMENTE ESTE ERA O FILHO DE DEUS”
Canta-se o refrão: VITÓRIA TU REINARÁS, Ó CRUZ TU NOS SALVARAS...

LECIONÁRIO: “A PALAVRA É LUZ PARA MEUS PÉS”
Canta-se o refrão: É COMO A CHUVA QUE LAVA...

CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA: “A DOUTRINA DA IGREJA NOS ENSINA PRATICAR A PALAVRA DA QUAL BROTA A FÉ”
Canta-se o refrão: EU CONFIO EM NOSSO SENHOR...

LIVRINHO DO 12º PLANO DE EVANGELIZAÇÃO: “NOSSA DIOCESE EVANGELIZA A PARTIR DE JESUS CRISTO”
Canta-se o refrão: A FÉ É COMPROMISSO...

INSTRUMENTO DE TRABALHO DE SÃO JOSÉ: “O TRABALHO DIGNIFICA O SER HUMANO”
Canta-se o refrão: SÃO JOSÉ TRABALHADOR...

IMAGEM DE SÃO JOSÉ: “JOSÉ FILHO DE DAVI, NÃO TENHAS RECEIO DE RECEBER MARIA, TUA ESPOSA; O QUE NELA FOI GERADO VEM DO ESPÍRITO SANTO”.
Canta-se o refrão: “SÃO JOSÉ A VÓS NOSSO AMOR, SEDE NOSSO BOM PROTETOR AUMENTAI O NOSSO FEVOR"...

COROINHAS
EQUIPE DE LITURGIA
MINISTROS
PADRES

CANTO DE ENTRADA...

ATO PENITENCIAL (ASPERSÃO)

HINO DE LOUVOR:

LITURGIA DA PALAVRA

COMENTARISTA: DEUS CONVIDA PESSOAS DE FÉ E DE BOA VONTADE PARA EXECUTAR E GUARDAR SEUS PROJETOS, A EXEMPLO DE ABRAÃO, O PAI NA FÉ, E DE SÃO JOSÉ, PAI ADOTIVO DE JESUS.

OUÇAMOS COM ATENÇÃO


1ª LEITURA
Leitura do Segundo Livro de Samuel

Naqueles dias, a Palavra do Senhor foi dirigida a Natã nestes termos: “Vai dizer ao meu servo Davi: ‘Assim fala o Senhor: Quando chegar o fim dos teus dias e repousares com teus pais, então, suscitarei, depois de ti, um filho teu, e confirmarei a sua realeza. Será ele que construirá uma casa para o meu nome, e eu firmarei para sempre o seu trono real. Eu serei para ele um pai e ele será para mim um filho. Tua casa e teu reino serão estáveis para sempre diante de mim, e teu trono será firme para sempre’”.


SALMO DE RESPOSTA: CANTADO

— Eis que a sua descendência durará eternamente.
— Eis que a sua descendência durará eternamente.

— Ó Senhor, eu cantarei eternamente o vosso amor, de geração em geração eu cantarei vossa verdade! Porque dissestes: “O amor é garantido para sempre!” E a vossa lealdade é tão firme como os céus.
— “Eu firmei uma Aliança com meu servo, meu eleito, e eu fiz um juramento a Davi, meu servidor. Para sempre, no teu trono, firmarei tua linhagem, de geração em geração garantirei o teu reinado!”.
— Ele, então, me invocará: “Ó Senhor, vós sois meu Pai, sois meu Deus, sois meu Rochedo onde encontro a salvação!” Guardarei eternamente para ele a minha graça e com ele firmarei minha Aliança indissolúvel.


2ª LEITURA

Leitura da Segunda Carta de São Paulo aos Romanos

Irmãos, não foi por causa da Lei, mas por causa da justiça que vem da fé que Deus prometeu o mundo como herança a Abraão ou à sua descendência.
É em virtude da fé que alguém se torna herdeiro. Logo, a condição de herdeiro é uma graça, um dom gratuito, e a promessa de Deus continua valendo para toda a descendência de Abraão, tanto para a descendência que se apega à Lei, quanto para a que se apoia somente na fé de Abraão, que é o pai de todos nós. Pois está escrito: “Eu fiz de ti pai de muitos povos”. Ele é pai diante de Deus, porque creu em Deus que vivifica os mortos e faz existir o que antes não existia. Contra toda a humana esperança, ele firmou-se na esperança e na fé. Assim, tornou-se pai de muitos povos, conforme lhe fora dito: “Assim será a tua prosperidade”. Esta sua atitude de fé lhe foi creditada como justiça.


EVANGELHO

Evangelho de Jesus Cristo, segundo Mateus.

Jacó gerou José, o esposo de Maria, da qual nasceu Jesus, que é chamado o Cristo. A origem de Jesus Cristo foi assim: Maria, sua mãe, estava prometida em casamento a José, e, antes de viverem juntos, ela ficou grávida pela ação do Espírito Santo. José, seu marido, era justo e, não querendo denunciá-la, resolveu abandonar Maria em segredo. Enquanto José pensava nisso, eis que o anjo do Senhor apareceu-lhe, em sonho, e lhe disse: “José, Filho de Davi, não tenhas medo de receber Maria como tua esposa, porque ela concebeu pela ação do Espírito Santo.
Ela dará à luz um filho, e tu lhe darás o nome de Jesus, pois ele vai salvar o seu povo dos seus pecados”. Quando acordou, José fez conforme o anjo do Senhor havia mandado.


PRECES DA ASSEMBLÉIA (resposta: SENHOR ESCUTAI NOSSA PRECE)
1- Ó pai santo, fortalecei a Igreja por meio de nossa comunidade a perseverar na missão de anunciar o Cristo, nossa luz. Rezemos.
2 - Ó Pai, Iluminai com vosso Espírito, todos os vocacionados: sacerdotes, religiosos e leigos, para que se mantenham firmes no caminho do serviço. Rezemos.
3 - Abençoe o padre João Ribeiro; dê-lhe discernimento e sabedoria para conduzir o teu povo, nesta Paróquia de São José, rumo ao Reino definitivo. Rezemos.
4 - Recompensai o padre Mateus pela dedicação e disponibilidade na missão a ele confiada. Rezemos
5 - Fortalecei nossa fé por meio do exemplo de São José, homem justo e fiel. Rezemos.
6 - Preparai o nosso coração e nosso espírito para podermos participar plenamente dos mistérios da Páscoa de Nosso Senhor Jesus Cristo que se aproximam. Rezemos.


ORAÇÃO EUCARÍSTICA II

PAI NOSSO CANTADO

DEPOIS DA COMUNHÃO


BIOGRAFIA DO PADRE MATEUS COLUCCI
FONTE: ARQUIVOS DA PARÓQUIA SÃO JOSÉ

Nascido aos 21/03/1935 em Castelgrande – Itália. Foi batizado 21 dias depois com o nome de Antônio. Filho de Francisco Colucci e Rosa Amaruso. Era o quarto dos dezoito filhos.
Frequentou as escolas primárias na mesma cidade, fazendo 10 quilômetros a pé por dia porque morava no interior.
Entrou no seminário em Calvi Risorta, para ser Padre Passionista. Ali frequentou cinco anos de escolas ginasiais.
Iniciou a profissão religiosa aos 11/10/1956, acrescentando ao nome de batismo outro nome: Mateus.
Foi ordenado sacerdote aos 27/02/1966. Após ser ordenado foi diretor Coadjutor do seminário por um ano. Depois foi escolhido para ser Mestre Coadjutor dos noviços por um ano. Voltando a ser diretor coadjutor dos seminaristas por mais dois anos.
Enfim, após o apelo dos Bispos da América Latina no Concílio Vaticano II, o padre Mateus juntamente com outros 05 companheiros, aceitou vir para a América Latina, precisamente o Brasil.
Saiu da Itália no dia 08/05/1972. Chegou ao Brasil aos 22/05/1972.
Ficou três meses em Colatina (Espírito Santo) para aprender um pouco da Língua Portuguesa. Depois veio para o Paraná, ficando três meses em Santa Teresa (distrito de Cascavel).
Veio para Santa Helena, atender 16 capelas da Paróquia de Santa Helena e mais diversas comunidades da região de São José das Palmeiras.
Celebrou a primeira missa em São José na Quinta-feira Santa de 1973.
Gostava muito de São José e das comunidades da redondeza. Começou logo a visitar todas as famílias de São José, com a bênção das casas e incentivando as diversas comunidades quanto à construção da própria capela, de fato em todas as comunidades (menos uma) não existia a capela, e a missa, confissões, batizados e casamentos, eram feitos ao ar livre, ou na escola onde existia escola.
Em poucos anos foram construídas 13 capelas.
No mês de abril de 1974 se conseguiu que São José se tornasse Paróquia e o padre Mateus foi praticamente o primeiro vigário a cuidar das capelas de Santa Helena e das capelas e da nova Paróquia São José.
Dedicou-se, trabalhou e sofreu muito para organizar, evangelizar e corrigir...
Era severo..., mas era para o bem da matriz e das comunidades por ele atendidas. Especialmente exigia respeito e silencio na igreja.
Durante os anos que esteve em São José houve um grande crescimento espiritual e material.
Foram construídas 13 capelas, a casa paroquial, a igreja provisória, sala de reunião dos jovens, salão para as festas, salas de catequese, colégio das irmãs Passionistas, compra de terreno para ampliar as obras paroquiais e enfim a construção da igreja definitiva.
Incentivou a abertura do ginásio, emprestando a velha igreja. Incentivou a chegada da energia elétrica, do poço artesiano, entre outras coisas.
Foi transferido com grande tristeza para Guarapuava. Ele costumava dizer que São José era sua segunda pátria, aliás, a primeira, porque em Castelgrande, sua pátria natal, morou 11 anos, enquanto em São José 14 anos.
Partiu de São José na madrugada do dia 06/01/1987. Partiu quando ainda estava escuro para evitar encontrar gente pela rua e não chorar...
Hoje queremos dizer ao padre Mateus um Muito obrigado e que Nosso Senhor lhe dê a devida recompensa por todo bem que fez a favor desta comunidade.


PORTAL SÃO JOSÉ
SITE E BLOGS SÃO JOSÉ

www.cidadesaojose.com.br
http://saojosedaspalmeiras.blogspot.com.br/
http://cidadesaojose.blogspot.com.br/
http://jesusconsagrado.blogspot.com.br/
http://saojosedaspalmeiras.blogfacil.net/


VÍDEOS INDICADOS POR NOSSO BLOG
Início Div flutuante centro da tela.Liturgia CNBB } Div flutuante esquerda da tela.Áudio da Missa } }